domingo, 11 de outubro de 2015

As Maiores Bilheterias de 2012

Os dados são da ANCINE. As sinopses do filmow.

1) Os Vingadores - The Avengers
Público no Brasil: 10.911.371
Renda bruta: R$129.595.590,00
Salas ocupadas: 1.042
Distribuidora: Disney
Diretor:  Joss Whedon
 País: EUA
Gênero: Ação, aventura, ficção científica
 Nota geral no filmow: 4.1 (de 5)
Nota geral no IMDB: 8.1 (de 10)
Sinopse: Loki (Tom Hiddleston) retorna à Terra enviado pelos chitauri, uma raça alienígena que pretende dominar os humanos. Com a promessa de que será o soberano do planeta, ele rouba o cubo mágico dentro de instalações da S.H.I.E.L.D. e, com isso, adquire grandes poderes. Loki os usa para controlar o dr. Erik Selvig (Stellan Skarsgard) e Clint Barton/Gavião Arqueiro (Jeremy Renner), que passam a trabalhar para ele. No intuito de contê-los, Nick Fury (Samuel L. Jackson) convoca um grupo de pessoas com grandes habilidades, mas que jamais haviam trabalhado juntas: Tony Stark/Homem de Ferro (Robert Downey Jr.), Steve Rogers/Capitão América (Chris Evans), Thor (Chris Hemsworth), Bruce Banner/Hulk (Mark Ruffalo) e Natasha Romanoff/Viúva Negra (Scarlett Johansson). Só que, apesar do grande perigo que a Terra corre, não é tão simples assim conter o ego e os interesses de cada um deles para que possam agir em grupo.

2) A saga Crepúsculo: Amanhecer – Parte 2 O final
 
Público no Brasil: 9.596.296
Renda bruta: R$100.816.443,89
Salas ocupadas: 1.410
Distribuidora: Paris
Diretor: Bil Condon
País: EUA
Gênero: Drama, fantasia, romance
Nota geral no filmow: 3.1 (de 5)
Nota geral no IMDB: 5.6 (de 10)
Sinopse: Após dar à luz a Reneesme, um bebê meio humano e meio vampiro, em um parto complicado e agressivo, Bella se vê em uma nova vida ao lado de Edward e dos Cullens. A notícia da existência de um bebê dessa espécie chegará aos ouvidos dos Volturi, e despertará a fúria do Clã italiano e líder da sociedade 'vampírica', já que crianças vampiras são proibidas por lei. Mal sabendo eles que a criança possui um grandioso dom, os Cullens irão atrás de provas e outros artifícios para a proteção de toda a família, e do bebê. Diante disso, temerosos com o que poderá vir a acontecer, eles reunirão os vampiros mais poderosos do planeta, e mais uma vez, juntos com os lobos da tribo quileute, irão travar a batalha do século, onde o misterioso poder de Bella será revelado.
3) A Era do Gelo 4
Público no Brasil: 8.728.719 Renda bruta: R$94.701.801,95
Salas ocupadas: 1.010
Distribuidora: Fox
Diretor:  Mike Thurmeier e Steve Martino
 País: EUA
Gênero: Aventura, comédia
  Nota geral no filmow: 3.6 (de 5)
Nota geral no IMDB: 6.7 (de 10)
 Sinopse: Sempre em busca de sua cobiçada noz, o esquilo Scrat provoca, sem querer, a separação dos continentes. A situação provoca mudanças no terreno de vários locais, entre eles onde os amigos Manny (Ray Romano/Diego Vilela), Diego (Denis Leary/Márcio Garcia) e Siid (John Leguizamo/Tadeu Mello) estão alojados. Um terremoto faz com que o trio fique preso em um iceberg, enquanto que Ellie (Queen Latifah/Carla Pompílio) e a pequena Amora (Keke Palmer/Bruna Laynes) permanecem no continente. Em alto mar, Manny promete que irá encontrá-las a qualquer custo, mas para tanto precisará enfrentar perigosos piratas e o canto das sereias.

4) Madagascar 3: Os Procurados
Público no Brasil: 5.269.118
Renda bruta: R$59.140.818,00
Salas ocupadas: 885
Distribuidora: Paramount
Diretor: Conrad Vernon, Eric Darnell, Tom McGrath
País: EUA
Gênero: Drama, fantasia, romance
Nota geral no filmow: 3.6 (de 5)
Nota geral no IMDB: 7 (de 10)
Sinopse: Os amigos Alex (Ben Stiller), Marty (Chris Rock), Melman (David Schwimmer), Gloria (Jada Pinkett Smith), rei Julien (Sacha Baron Cohen) e os pinguins deixam o continente africano rumo í Europa. Eles vão parar em Mônaco, onde passam a ser perseguidos por uma obcecada agente de controle animal (Frances McDormand). Em plena fuga, o grupo encontra abrigo em um circo em crise. Logo eles passam a ajudá-lo, iniciando um processo de revitalização que poderá levá-los a uma turnê nos Estados Unidos e, consequentemente, de volta para casa.
Minha observação: Madagascar 3 estreou dia 8 de junho e A Era do Gelo 4 estreou dia 29 do mesmo mês. É possível que eles tenham estado em cartaz ao mesmo tempo, competindo por público, e A Era do Gelo ganhou. Além disso, ainda pegou as férias escolares de julho.

5) Alvin e os Esquilos 3
Público no Brasil: 5.187.250 Renda bruta: R$44.341.517,97
Salas ocupadas: 545
Distribuidora: Fox
Diretor:  Mike Mitchel
  País: EUA
Gênero: Infantil, comédia
  Nota geral no filmow: 2.8(de 5)
Nota geral no IMDB: 4.4 (de 10)
Sinopse: De férias a bordo de um luxuoso navio, Alvin, Simon, Theodore, Brittany, Jeanette e Eleanor estão fazendo suas bagunças como de costume, transformando o navio em um parque de diversões, até que eles se perdem em uma ilha deserta. Enquanto Dave Seville procura por seus pequeninos, os esquilos fazem o que sabem fazer melhor – cantam, dançam e causam estragos.

6) Batman: O cavaleiro das Trevas Ressurge
Público no Brasil: 5.146.519
Renda bruta: R$55.062.755,00
Salas ocupadas: 968
Distribuidora: Warner
Diretor: Christopher Nolan
País: EUA
Gênero: Ação, aventura
Nota geral no filmow: 4.2 (de 5)
Nota geral no IMDB: 8.5 (de 10)

Sinopse: Passaram-se oito anos desde que Batman desapareceu na noite, e naquele instante passou de herói a vilão. Ao assumir a culpa pela morte do promotor Harvey Dent, o Cavaleiro das Trevas sacrificou tudo o que era importante para ele, e agora sofre uma perseguição liderada por seu amigo Comissário Gordon. Agora, ele terá de lidar com a chegada de um ladrão muito esperto e misterioso. Muito mais perigoso, no entanto, é o aparecimento de Bane, um terrorista mascarado, cujo plano é tirar Bruce desse exílio auto-imposto.
7) O Espetacular Homem-Aranha
Público no Brasil: 5.145.603 

Renda bruta: R$60.473.881,21
Salas ocupadas: 936
Distribuidora: Sony (Columbia)
Diretor:  Mark Webb
  País: EUA
Gênero: Ação, aventura
  Nota geral no filmow: 3.5 (de 5)
Nota geral no IMDB: 7.1 (de 10)

Sinopse: O Espetacular Homem-Aranha é a história de Peter Parker (Andrew Garfield), um estudante rejeitado por seus colegas e que foi abandonado por seus pais ainda criança, sendo então criado por seu Tio Ben (Martin Sheen) e pela Tia May (Sally Field). Como muitos adolescentes, Peter tenta descobrir quem ele é e como tornou-se a pessoa que é hoje. Peter também está começando uma história com sua primeira paixão, Gwen Stacy (Emma Stone), e juntos eles lidam com amor, compromissos e segredos. Quando Peter descobre uma misteriosa maleta que pertenceu a seu pai, ele começa uma jornada para entender o desaparecimento de seus pais - o que o leva diretamente à Oscorp e ao laboratório do Dr. Curt Connors (Rhys Ifans), antigo sócio de seu pai. Procurando por respostas e uma conexão, Peter comete um erro que o coloca em rota de colisão com o alter-ego do Dr. Connors, O Lagarto. Como Homem-Aranha, Peter tem que tomar decisões que podem alterar vidas, para usar seus poderes e moldar seu destino de se tornar um herói.

8) De pernas pro ar 2
Público no Brasil: 4.846.273
Renda bruta: R$50.312.134,36
Salas ocupadas: 718
Distribuidora: Downtown/Paris/Riofilme
Diretor: Roberto Santucci
País: Brasil
Gênero: Comédia, romance
Nota geral no filmow: 3.4 (de 5)
Nota geral no IMDB: 5.4 (de 10)

Sinopse: Continuação da história de Alice, 40 anos, uma típica mulher dos tempos atuais e seu sucesso no ramo das sex shops.

9) Valente
Público no Brasil: 3.459.397 
Renda bruta: R$37.023.212,00
Salas ocupadas: 705
Distribuidora: Disney
Diretor:  Brenda Chapman, Mark Andrews
  País: EUA
Gênero: Ação, aventura, infantil
  Nota geral no filmow: 3.8 (de 5)
Nota geral no IMDB: 7.2 (de 10)

Sinopse: A jovem princesa Merida foi criada pela mãe para ser a sucessora perfeita ao cargo de rainha, seguindo a etiqueta e os costumes do reino. Mas a garota dos cabelos rebeldes não tem a menor vocação para esta vida traçada, preferindo cavalgar pelas planícies selvagens da Escócia e praticar o seu esporte favorito, o tiro ao arco. Quando uma competição é organizada contra a sua vontade, para escolher seu futuro marido, Merida decide recorrer à ajuda de uma bruxa, a quem pede que sua mãe mude. Mas quando o feitiço surte efeito, a transformação da rainha não é exatamente o que Merida imaginava... Agora caberá à jovem ajudar a sua mãe e impedir que o reino entre em guerra com os povos vizinhos.

10) Até que a Sorte nos Separe
Público no Brasil: 3.411.137
Renda bruta: R$34.670.753,25
Salas ocupadas: 425
Distribuidora: Downtown/Paris/Riofilme
Diretor: Roberto Santucci
País: Brasil
Gênero: Comédia
Nota geral no filmow: 2.8 (de 5)
Nota geral no IMDB: 5.4 (de 10)

Sinopse: Tino (Leandro Hassum) é um pai de família comum que vê sua vida virar de ponta a cabeça após ganhar na loteria. Levando uma vida de ostentação ao lado da mulher, Jane (Danielle Winits), ele gasta todo o dinheiro em 15 anos. Ao se ver quebrado, Tino aceita a ajuda do vizinho Amauri (Kiko Mascarenhas), um consultor de finanças super burocrático e que por sinal vive seu próprio drama ao enfrentar uma crise no casamento com Laura (Rita Elmôr). Tentando evitar que Jane descubra a nova situação financeira, afinal ela está grávida do terceiro filho não pode passar por fortes emoções, Tino se envolve em várias confusões para fingir que tudo continua bem. Para isso, conta com ajuda do melhor amigo, Adelson (Aílton Graça), e dos filhos.
 ------------------------------------------------------------------------------------------------
Devido ao sucesso de dois filmes nacionais no ranking das 10 maiores bilheterias, eis:
Os Top 6 Brasileiros 

1) De pernas pro ar 2
Colocação geral: 8 
2) Até que a Sorte nos Separe
Colocação geral: 10 
3) E Aí, Comeu?
Colocação geral: 14
Público no Brasil: 2.578.599
Renda bruta: R$26.078.324,43
Salas ocupadas: 514
Distribuidora: Downtown/Paris/Riofilme
Diretor: Felipe Joffily
Gênero: Comédia
Nota geral no filmow: 2.6 (de 5)
Nota geral no IMDB: 5.7 (de 10) 
Sinopse: A comédia "E aí, Comeu?" conta a história de Fernando, Honório e Fonsinho, três amigos de infância que, juntos, procuram entender, no mundo atual, o papel do homem diante da nova mulher. Após o fracasso do casamento de um deles, esses caras, nas famosas conversas de bar – e também fora delas – vão se jogar de cabeça nesta empreitada!
Minha observação: Que vergonha de um filme desse ter sido feito no Brasil... E eu nem assisti, só de ver o trailer me dá vontade de chorar. 

4) Os Penetras
Colocação geral: 16
Público no Brasil: 2.548.441
Renda bruta: R$25.613.581,00
Salas ocupadas: 330
Distribuidora: Warner
Diretor: Andrucha Waddington
Gênero: Comédia
Nota geral no filmow: 2.6 (de 5)
Nota geral no IMDB: 5.4 (de 10)
Sinopse: O filme mostra tudo que pode dar certo e errado no réveillon carioca a partir do momento em que Marco (Marcelo Adnet) e Beto (Eduardo Sterblitch), dois caras com personalidades diferentes, juntam-se por acaso.
5) Gonzaga - De Pai para Filho
Colocação geral: 21
Público no Brasil: 1.460.447
Renda bruta: R$14.654.627,80
Salas ocupadas: 407
Distribuidora: Downtown/Paris/Riofilme
Diretor: Breno Silveira
Gênero: Biografia, drama
Nota geral no filmow: 3.9 (de 5)
Nota geral no IMDB: 7.3 (de 10)

Sinopse: Um pai e um filho, dois artistas, dois sucessos. Um do sertão nordestino, o outro carioca do Morro de São Carlos, um de direita, o outro de esquerda. Encontros, desencontros e uma trilha sonora que emocionou o Brasil. Esta é a história de Luiz Gonzaga e Gonzaguinha, e de um amor que venceu o medo e o preconceito e resistiu à distância e ao esquecimento.

Minha observação: Ainda não assisti a esse filme, mas quero!

6) As Aventuras de Agamenon, o Repórter
Colocação geral: 42
Público no Brasil: 937.980
Renda bruta: R$9.335.915,91
Salas ocupadas: 244
Distribuidora: Downtown/Paris/Riofilme
Diretor: Victor Lopes
Gênero: Comédia
Nota geral no filmow: 1.2 (de 5)
Nota geral no IMDB: 2.6 (de 10)

Sinopse: É um filme de ficção que conta as aventuras do Agamenon e a história de amor dele com a Isaura, mas, ao mesmo tempo, é como se fosse um documentário sobre ele já que uma equipe segue ele pelas ruas e revela coisas sobre sua vida dele, como a história do Dodge Dart enferrujado que ele estaciona na porta do prédio do jornal O Globo. A idéia central do filme é brincar com o fato de muita gente achar que ele, de fato, existe. A ideia foi torná-lo real.

Minha observação: Assisti a esse filme (no cinema, infelizmente paguei por isso) e achei tão ruim que minha nota no filmow foi meia estrela.

sexta-feira, 9 de outubro de 2015

GANHEEEEI + SORTEIO!

Postando aqui só pra dizer que GANHEI O #THEGAMEDARKSIDE!!!
Vou ganhar um iphone 5c e os três livros da trilogia. Como já tenho o primeiro livro, o que eu ganhar vou sortear!
Claro que também vou postar a resenha dos próximos dois livros aqui.
Mais informações sobre o sorteio, quando eu receber o livro.

Se você não leu minha resenha do primeiro volume, leia aqui.

Assistam ao vídeo do resultado:


sexta-feira, 25 de setembro de 2015

A Feiticeira da Guerra (Rebelle) - Kim Nguyen (2012)


A Feiticeira da Guerra conta a história de Komona, uma menina de 12 anos que é roubada de sua aldeia para viver com soldados revolucionários que guerreiam contra o governo. O país onde se passa o filme não é explicitado, mas sabemos que é algum país da África negra que foi colonizado pela França (falam francês).
Já de início Komona tem que enfrentar uma difícil escolha, pois os revolucionários que invadem a aldeia a obrigam a matar seus pais com uma metralhadora (ou do contrário eles os matariam a facadas). Seu pai, abraçado à sua mãe, a encoraja. Sua mãe a olha. E ela executa a tarefa.

Lendo a sinopse do filme e não procurando mais textos críticos sobre ele, eu comecei a assisti-lo preparada para assistir a cenas fortes, muita violência e possivelmente até cenas de estupro. Porém, o filme me surpreendeu positivamente nesse quesito. Há algumas cenas de violência, a história que a menina vive é de fato muito triste, mas há também cenas que me fizeram sorrir.


Depois que ela e outras crianças são raptadas pelos revolucionários, eles passam a viver com eles e a ter que aprender a usar armas. Antes da primeira batalha as crianças tomam a seiva de uma árvore e sob o efeito dela, Komona vê os fantasmas de seus pais que a alertam do perigo fazendo com que ela fuja e se salve no meio das balas cruzadas da batalha.
Eu tenho que chamar a atenção para a representação dos fantasmas que eu achei fantásticas: são pessoas negras todas pintadas e vestidas  de branco. Essa imagem consegue ser ao mesmo tempo assustadora para uma criança (mas não tanto como fantasmas do tipo Sexto Sentido) e esteticamente linda.

Por conta de ter conseguido se salvar, Komona é considerada uma feiticeira pelos revolucionários, o que faz com que eles deixem de agredi-la afim de que ela sempre possa alertá-los quando os soldados do governos estivessem se aproximando. E assim, Komona consegue sobreviver naquele meio.


Depois de uma grande batalha contra o governo, Komona (agora com 13 ou 14 anos) e seu amigo Mágico, um menino albino, fogem dos revolucionários. A partir desse momento começam algumas cenas mais leves e bonitas. Aquelas, que me fizeram sorrir.
Porém o medo, a expectativa de que os revolucionários voltem para buscar Komona é mantido (ao menos para mim). Não é possível ser feliz na guerra. Era sempre um sorriso com medo de que logo acabasse de sorrir.

Assim nós acompanhamos a transformação de Komona de uma simples menina para uma mulher guerreira e forte. A vida, a guerra, os seus raptores, a obrigaram a virar guerreira, mas ela nunca perde a doçura.


Há uma fala da narração de Komona que mostra o quanto a guerra é terrível e me marcou profundamente. Termino esse texto com ela:
"O tio do Mágico é o açougueiro da aldeia. Ele tem sempre um balde vazio ao seu lado, enquanto corta a carne. Pois, sempre que corta essa carne com seu facão, lembra o que aconteceu à sua família e sente vontade de vomitar."
As imagens, enquanto ela narra, são dele cortando as carnes.

domingo, 20 de setembro de 2015

Trilogia The Game Volume 1 - Anders de la Motte (2010)

O livro de setembro seria somente A Menina Submersa, mas por conta de uma promoção da Dark Side, o #TheGameDarkSide, venho aqui resenhar também o primeiro volume da trilogia. Relatos sobre a promoção mais abaixo.


The Game Volume 1 (ou O Jogo) conta a história de HP, ou Henrik Peterson e Rebecca Normén. A história começa quando HP encontra um celular perdido no trem e pega para si. Começa a receber então diversas mensagens convidando-o para jogar um jogo, e ele fica recusando, até que percebe que o remetente das mensagens sabe seu nome, pensa que é uma brincadeira feita por seu amigo Manga e aceita. O Mestre do Jogo (o remetente) diz que o Jogo consiste em executar algumas missões, receber pontos por elas (e dinheiro) e subir na classificação dos Jogadores. Como todo jogo, o Jogo tem algumas regras, e qualquer um que as burlasse, iria ser expulso do Jogo.
A primeira missão de HP é executada ali mesmo no trem, que era roubar um guarda-chuva de um homem que iria embarcar e filmar a ação com o próprio celular. Achando divertido e fruindo a adrenalina, HP executa a sua missão.
Depois de descobrir que seu amigo Manga não tem nada a ver com o Jogo, e descobrir todo o sistema de classificações, recompensas pelas missões e também a rede social secreta onde ficavam os vídeos de suas missões (onde algumas pessoas podiam assistir aos seus vídeos, fazer comentários e dar notas às suas missões, mas ele não podia ver os vídeos dos outros jogadores) HP decide continuar jogando.

Para entender, vamos falar um pouco de HP: Ele é um cara que não tem um emprego fixo, que só trabalha em McEmpregos (denominação que o autor faz e eu achei uma grande sacada) e fica neles o tempo suficiente para ser demitido e receber o seguro-desemprego. HP adora curtir a vida, ir a festas, beber, fumar maconha e jogar videogame. HP também é extremamente egoísta, acha que o mundo não lhe dá valor e adoraria ser reconhecido (ele ainda não sabe bem pelo quê). Ao mesmo tempo ele consegue ser bem inocente e com pouquíssimo senso crítico das coisas. Isso pareceu uma descrição de um adolescente revoltado pra você? Pois é, mas não, o cara tem 31 anos.

Agora vamos falar de coisa boa: Rebecca! Essa é a outra personagem a qual seguimos nessa história. O livro segue duas linhas narrativas com dois focos narrativos, de HP e Rebecca, contado em terceira pessoa, mas o narrador mais descreve os movimentos e principalmente os pensamentos deles, não sendo nem um pouco intruso. Rebecca só tem três anos a mais que HP e é muito mais responsável. Ela é policial e trabalha com segurança pessoal e no início do livro ela é promovida a uma segurança mais especial, o grupo Alfa, para assegurar pessoas mais importantes como o primeiro ministro. Mesmo sendo fodona, Rebecca esconde acontecimentos do seu passado que a perturbam, e ela começa a receber bilhetes de ódio que não a ajudam.

Falando de acontecimentos do passado, nós voltamos a HP, que teve uma infância difícil e carrega alguns traumas. Fiquei pensando se tais traumas não tenham sido a causa dessa adolescência prolongada e retardada, mas Rebecca também tem traumas e mesmo assim ela conseguiu construir uma carreira e crescer (mesmo que com inseguranças e problemas emocionais). Mas enfim, um é homem, a outra é mulher, as vivências foram diferentes, os personagens são diferentes.

A primeira parte do livro é instigante e revela poucas coisas, dá algumas dicas que só quem é muito atento pode perceber e até algumas dicas falsas. Um recurso que o autor usou para dar informações a mais sobre os personagens foi usando outros personagens pensando ou falando sobre eles. Isso só acontece duas vezes, quando o foco narrativo muda rapidamente (por poucos parágrafos) para o pensamento do psicólogo de Rebecca e mais tarde por pessoas envolvidas no Jogo, sobre HP.

Essa primeira parte do livro (que eu que separei em dois) acaba quando as narrativas de HP e Rebecca se encontram, quando ela está num carro trabalhando protegendo um cara importante e HP está em uma missão, no mesmo local. Se antes o leitor estava achando as missões de HP um pouco estranhas (tipo tirar parafusos da roda de um carro de um desconhecido), é a partir deste ponto que nós vemos que o Jogo não é "só um jogo", como pensou Henrik Petterson. Provavelmente tem intenções obscuras por trás dele.

Nesse ponto eu esperava que as histórias de HP e Rebecca se unissem, mas eles continuam vivendo suas vidas, interligados, mas separados, o que me decepcionou um pouco.
Há poucas cenas que eles estão juntos e foram as cenas que eu achei mais interessantes (fora um flashback, que não conta), porque a riqueza que a alternância de pontos de vista traz à narrativa fica mais evidente.

Então a gente vai seguindo HP e vendo que o Jogo pode estar envolvido com diversas teorias da conspiração...
Eu particularmente fui me irritando muito com o HP porque acho que ele demorou muito pra tomar algumas atitudes que acho que um protagonista razoável deveria tomar. Eu fui lendo pensando que ele ia fazer alguma coisa direito no final do livro, mas que no segundo livro ia fazer uma grande merda por causa de sua personalidade. Quando faltavam 16 páginas para o livro acabar eu pensei que ele faria tal merda naquele momento mesmo, o que seria um final surpreendente mas um pouco decepcionante. Mas Anders de la Motte conseguiu fazer um final bem diferente do que eu previa. Muito melhor, mais surpreendente e mostrando que o personagem HP pode ter finalmente se transformado.

A narrativa de HP é muito interessante, o arco de evolução do personagem não é tão um arco, mas parece uma linha reta que finalmente se transforma no final. O personagem, que me enchia muito o saco, finalmente ganha um pouco da minha empatia.
Enquanto que Rebecca é uma personagem que desde o começo ganhou a minha empatia, mas sua narrativa não é tão interessante quanto a de HP. O que se passa com Rebecca está muito mais ligado aos seus problemas emocionais, e muita coisa relacionada também a HP. O arco de evolução da personagem também está mais para linha reta que se resolve com uma simples revelação no final.

O próximo livro da trilogia, Ruído, tem a Rebecca na capa e eu espero que a personagem tenha uma narrativa mais interessante e mais destaque, porque ela merece!

Dei três estrelas para O Jogo, pois acho que o livro tem muitas qualidades, mas também alguns defeitos. Porém, aparentemente é o primeiro livro de ficção do autor. Anders de la Motte é um nerd que já trabalhou como diretor de segurança de uma companhia de TI e também como oficial de polícia e por isso fala de tais assuntos com tanta propriedade, mas em se tratando de escrita ele ainda comete alguns deslizes.
Eu que estudo cinema e principalmente escrita de roteiro, manuais de roteiro e essas coisas, consigo analisar coisas que talvez um outro leitor não perceba. Uma das regras do roteiro é mostrar a maior quantidade de informações que conseguir e não colocá-las na boca de personagens. Se pensarmos que a câmera é o narrador do filme, o narrador do livro deveria ter também esse papel, mas como o narrador de O Jogo não é nem um pouco intruso, algumas informações que ficariam muito mais naturais ditas pelo narrador, são ditas pelos personagens de forma artificial. Do tipo:

"Só não espere que eu entre nessa bobagem. Você era Manga quando entramos na escola, quando a gente costumava fumar as guimbas da sua mãe atrás do supermercado, e quando você perdeu sua virgindade com aquela gorda finlandesa em uma barraca em Hultsfred. Então é isso que você é para mim, independente do que você, sua esposa ou o seu mais recente deus pensam, ok?"

Você falaria essa fala? Nem eu. E fica principalmente estranho porque HP não é um personagem nostálgico e nunca demonstra afeto com seu amigo ou nenhuma outra pessoa.

Mas enfim, o autor está aprendendo e para um primeiro livro está mais que ótimo. Ansiosa para saber a continuidade da história, pois o Jogo continua...

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------
#TheGameDarkSide

O jogo é uma promoção realizada pela Dark Side Books e o canal Geek Freak. No jogo o Mestre do Jogo mandou algumas missões a serem realizadas pelos Jogadores afim de divulgar o livro. A missão 4,5 é essa aqui e a última missão, a 5, já foi executada por mim, mas outros Jogadores ainda podem executá-la até o fim do dia. Fiz o gráfico a seguir com as pontuações dos Jogadores ao longo do The Game porque ele exemplifica muito o clima do livro. Há os Jogadores disputando pelo primeiro lugar (como HP), há o Jogador no primeiro lugar (que no livro é o nº58) e há os jogadores que desistiram, que escolheram o botão azul (enquanto HP {e eu} escolheu o vermelho) que só ficaram executando as missões mais fáceis, ou também chamados de Formigas.


-------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Pretendo que ainda esse mês tenha a resenha do A Menina Submersa, as maiores bilheterias de 2012 e a resenha de A Feiticeira da Guerra. Estou com a vida um pouco atribulada, tendo que arrumar as minhas coisas pra me mudar de casa, mas acho que consigo. 

sábado, 12 de setembro de 2015

Os Mais Vendidos de 2012

Os dados são do Publishnews. As sinopses do skoob.

1) Cinquenta tons de cinza
 Exemplares vendidos no Brasil: 583.768
Autor: E. L. James
Editora: Intrínseca
País: EUA
Categoria: Ficção
Nota geral do skoob: 3.6
Sinopse: Cinquenta Tons de Cinza - Quando Anastásia Steele entrevista o jovem empresário Christian Grey, descobre nele um homem atraente, brilhante e profundamente dominador. Ingênua e inocente, Ana se surpreende ao perceber que, a despeito da enigmática reserva de Grey, está desesperadamente atraída por ele. Incapaz de resistir à beleza discreta, à timidez e ao espírito independente de Ana, Grey admite que também a deseja - mas em seus próprios termos.
Chocada e ao mesmo tempo seduzida pelas estranhas preferências de Grey, Ana hesita. Por trás da fachada de sucesso - os negócios multinacionais, a vasta fortuna, a amada família -, Grey é um homem atormentado por demônios do passado e consumido pela necessidade de controle. Quando eles embarcam num apaixonado e sensual caso de amor, Ana não só descobre mais sobre seus próprios desejos, como também sobre os segredos obscuros que Grey tenta manter escondidos.
Minha observação: E aqui começa o sucesso do livro machista disfarçado de "a favor da liberdade sexual feminina". 

2) Cinquenta tons mais escuros
 Exemplares vendidos no Brasil: 294.875
Autor: E. L. James
Editora: Intrínseca
País: EUA
Categoria: Ficção
Nota geral do skoob: 4
Sinopse: Assustada com os segredos obscuros do belo e atormentado Christian Grey, Ana Steele põe um ponto final em seu relacionamento com o jovem empresário e concentra-se em sua nova carreira, numa editora de livros. Mas o desejo por Grey domina cada pensamento de Ana e, quando ele propõe um novo acordo, ela não consegue resistir. Em pouco tempo, Ana descobre mais sobre o angustiante passado de seu amargurado e dominador parceiro do que jamais imaginou ser possível. Enquanto Christian tenta se livrar de seus demônios interiores, Ana se vê diante da decisão mais importante da sua vida.
3) Nada a Perder vol.1
 Exemplares vendidos no Brasil: 293.898
Autor: Edir Macedo
Editora: Planeta do Brasil
País: Brasil
Categoria: Biografia
Nota geral do skoob: 4.2

Sinopse: Segredos guardados por décadas. Momentos de decisão e descobertas espirituais contadas, com riqueza de detalhes, pelas próprias palavras de um dos principais líderes evangélicos do mundo. No primeiro volume de sua trilogia de memórias, o bispo Edir Macedo nos surpreende com revelações profundas. Como um brasileiro comum decide pregar sua fé nas ruas e praças públicas e, 35 anos depois, lidera uma Igreja atuante em mais de 200 países com milhões de fiéis nos lugares mais remotos do planeta? Uma comovente volta ao passado com lições para o presente e o futuro. Experiências tocantes com aprendizados para a vida.
4) Cinquenta tons de liberdade
 Exemplares vendidos no Brasil: 223.226
Autor: E. L. James
Editora: Intrínseca
País: EUA
Categoria: Ficção
Nota geral do skoob: 4
Sinopse: Cinquenta Tons de Liberdade - Quando a ingênua Anastasia Steele conheceu o jovem empresário Christian Grey, teve início um sensual caso de amor que mudou a vida dos dois irrevogavelmente. Chocada, intrigada e, por fim, repelida pelas estranhas exigências sexuais de Christian, Ana exige um comprometimento mais profundo. Determinado a não perdê-la, ele concorda. Agora, Ana e Christian têm tudo: amor, paixão, intimidade, riqueza e um mundo de possibilidades a sua frente. Mas Ana sabe que o relacionamento não será fácil, e a vida a dois reserva desafios que nenhum deles seria capaz de imaginar. Ana precisa se ajustar ao mundo de opulência de Grey sem sacrificar sua identidade. E ele precisa aprender a dominar seu impulso controlador e se livrar do que o atormentava no passado. Quando parece que a força dessa união vai vencer qualquer obstáculo, a malícia, o infortúnio e o destino conspiram para transformar os piores medos de Ana em realidade,...
5) Agapinho
Exemplares vendidos no Brasil: 140.058
Autor: Padre Marcelo Rossi
Editora: Globo livros
País: Brasil
Categoria: Infantojuvenil
Nota geral do skoob: 4.3
Sinopse:  Na edição infantil, o padre faz uma cuidadosa adaptação do conteúdo de seu best-seller para tratar de assuntos que fazem parte de um boa formação religiosa e cidadã: verdade, justiça, perdão, bondade, solidariedade e confiança. Os temas são apresentados à luz de doze passagens do Evangelho de São João, entre elas A multiplicação dos pães, Ressurreição de Lázaro, Crucificação e Aparição aos discípulos. Os trechos das passagens bíblicas são ponto de partida para falar sobre os ensinamentos de Jesus e discutir os assuntos abordados. Padre Marcelo sempre destaca a importância e a força da oração nos momentos mais difíceis da vida. Ao final de cada capítulo, o leitor encontra uma oração escrita especialmente para o público infantil.
6) O X da questão
  Exemplares vendidos no Brasil: 109.213
Autor: Eike Batista
Editora: Primeira Pessoa
País: Brasil
Categoria: Biografia
Nota geral do skoob: 3.2
Sinopse: Em 'O X da questão', o empreendedor brasileiro Eike Batista narra suas aventuras de desbravador, desde os maiores sucessos até as experiências que não deram certo e os erros cometidos no curso de projetos vitoriosos. Há lugar também para o que ele qualifica como 'estresses' que o fizeram crescer, a começar pela asma na infância. Eike Batista expõe ainda o arsenal teórico que está na origem de tantos negócios bem-sucedidos e que é hoje uma cartilha no Grupo EBX - a Visão 360 graus, bússola que norteia as ações do grupo e permite que cada empresa seja uma peça num grande mosaico integrado.
Minha observação: Pelo jeito o brasileiro gosta mesmo de livros que ensinam a ficar rico...
7) A Guerra dos Tronos
Exemplares vendidos no Brasil: 85.106
Autor: George R. R. Martin
Editora: Leya
País: EUA
Categoria: Ficção
Nota geral do skoob: 4.7
Sinopse: Quando Eddard Stark, lorde do castelo de Winterfell, aceita a prestigiada posição de Mão do Rei oferecida pelo velho amigo, o rei Robert Baratheon, não desconfia que sua vida está prestes a ruir em sucessivas tragédias. Sabe-se que Lorde Stark aceitou a proposta porque desconfia que o dono anterior do título fora envenenado pela manipuladora rainha - uma cruel mulher do clã Lannister - e sua intenção é proteger o rei. Mas ter como inimigo os Lannister pode ser fatal: a ambição dessa família pelo poder parece não ter limites e o rei corre grande perigo. Agora, sozinho na corte, Eddard percebe que não só o rei está em apuros, mas também ele e toda sua família.
Minha observação: Acompanhando o sucesso da série de televisão... 

8) Nietzsche para estressados
Exemplares vendidos no Brasil: 71.895
Autor: Allan Percy
Editora: Sextante
País: Espanha
Categoria: Autoajuda
Nota geral do skoob: 3.7
Sinopse: Nietzsche para Estressados: 99 Doses de Filosofia para Despertar a Mente e Combater as Preocupações é um manual inteligente e estimulante que reúne 99 máximas do gênio alemão e sua aplicação a várias situações do dia a dia. A sabedoria de Nietzsche é de grande utilidade na busca de uma solução para uma série de problemas, tanto na vida pessoal quanto na profissional.
Este breve curso de filosofia cotidiana foi criado por Allan Percy para nos auxiliar nos momentos em que precisamos tomar decisões, recuperar o ânimo, encontrar o caminho certo e relativizar a importância dos fatos da vida. É indicado para quem procura inspiração no pensamento filosófico mais influente da era moderna para combater as angústias e os medos dos dias de hoje.
Cada capítulo é iniciado por um aforismo do mestre, seguido de uma interpretação atual. Muitas vezes, sua sabedoria é associada às ideias de outros autores renomados, enriquecendo ainda mais o assunto.
O legado de Nietzsche induz à reflexão e oferece uma forma mais inovadora de superar as dificuldades. Conheça algumas de suas frases marcantes:
- O que não nos mata nos fortalece
- O destino dos seres humanos é feito de momentos felizes e não de épocas felizes
- Quem tem uma razão de viver é capaz de suportar qualquer coisa
- O reino dos céus é uma condição do coração e não algo que cai na terra ou que surge depois da morte
- Não há razão para buscar o sofrimento, mas, se ele surgir em sua vida, não tenha medo: encare-o de frente e com a cabeça erguida
- Os maiores êxitos não são os que fazem mais ruído e sim nossas horas mais silenciosas
Minha observação: Me pergunto o que Nietzsche falaria disso. Me pergunto se as pessoas que compraram esse livro sabiam que Nietzsche ficou louco, ou, melhor dizendo, fora do padrão de lucidez mais tarde. Mas enfim, só li um livro dele e apenas trechos de vários outros, então não sei o que dizer.
Minha observação 2: Aparentemente, o nome do autor é Francesc Miralles, e ele possui dois pseudônimos: Allan Percy e  Yuki Ojiro. Ele, inclusive, já escreveu um livro de coautoria com Yuki Ojiro! É um verdadeiro Fernando Pessoa da autoajuda!

9) Jogos Vorazes
Exemplares vendidos no Brasil: 71.642
Autor: Suzanne Collins
Editora: Rocco Jovens Leitores
País: EUA
Categoria: Infantojuvenil
Nota geral do skoob: 4.6
Sinopse: Após o fim da América do Norte, uma nova nação chamada Panem surge. Formada por doze distritos, é comandada com mão de ferro pela Capital. Uma das formas com que demonstram seu poder sobre o resto do carente país é com Jogos Vorazes, uma competição anual transmitida ao vivo pela televisão, em que um garoto e uma garota de doze a dezoito anos de cada distrito são selecionados e obrigados a lutar até a morte! Para evitar que sua irmã seja a mais nova vítima do programa, Katniss se oferece para participar em seu lugar. Vinda do empobrecido distrito 12, ela sabe como sobreviver em um ambiente hostil. Peeta, um garoto que ajudou sua família no passado, também foi selecionado. Caso vença, terá fama e fortuna. Se perder, morre. Mas para ganhar a competição, será preciso muito mais do que habilidade. Até onde Katniss estará disposta a ir para ser vitoriosa nos Jogos Vorazes?
Minha observação:  Minha história de amor e ódio com Jogos Vorazes foi contada no post das Maiores Bilheterias de 2014.
Minha observação 2: Comprei a trilogia somente este ano (2015)! Estava R$30 ou R$40 no submarino. Lerei em breve.

10) A Escolha
Exemplares vendidos no Brasil: 70.183
Autor: Nicholas Sparks
Editora: Novo Conceito
País: EUA
Categoria: Ficção
Nota geral do skoob: 4.2
Sinopse: Travis Parker possui tudo o que um homem poderia ter: a profissão que desejava, amigos leais, e uma linda casa beira-mar na pequena cidade de Beaufort, Carolina do Norte. Com uma vida boa, seus relacionamentos amorosos são apenas passageiros e para ele, isso é o suficiente. Até o dia em que sua nova vizinha, Gabby, aparece na porta.
Apesar de suas tentativas de ser gentil, a ruiva atraente parece ter raiva dele. Ainda sim, Travis não consegue evitar se engraçar com Gabby e seus esforços persistentes o levam a uma jornada que ninguém poderia prever.
Minha observação: Tinha que ter um romance água-com-açúcar com Nicholas Sparks para representar.

terça-feira, 8 de setembro de 2015

As Maiores Bilheterias de 2013

 Os dados são da ANCINE. As sinopses do filmow.

1) Homem de Ferro 3
Público no Brasil: 7.633.751
Renda bruta: R$96.493.278,00
Salas ocupadas: 1.253
Distribuidora: Disney
Diretor:  Shane Black
 País: EUA
Gênero: Ação, aventura, ficção científica
 Nota geral no filmow: 3.5 (de 5)
Nota geral no IMDB: 7.3 (de 10)

Sinopse: Homem de Ferro 3 coloca o o impetuoso, porém brilhante, industrial Tony Stark/Homem de Ferro contra um vilão cujo alcance não conhece limites. Quando Stark vê o seu mundo pessoal destruído pelas mãos de seu inimigo, ele embarca em uma caçada para encontrar os responsáveis. Essa jornada, a cada curva, irá testar os seus valores. Encurralado, Stark é obrigado a sobreviver às custas de seus próprios equipamentos, confiando em seus instintos e ingenuidade para proteger aqueles que são próximos a ele. Enquanto luta para se reerguer, Stark descobre a resposta da pergunta que secretamente o perseguia: será que é o hábito que faz o monge, ou o monge que faz o hábito?

Minha observação: Parei de assistir quando DORMI assistindo ao segundo filme no cinema. Sim, filmes de super-heróis, corrida de carros ou qualquer de ação me dão sono.

2) Meu malvado favorito 2
 
Público no Brasil: 6.996.826
Renda bruta: R$80.638.960,01
Salas ocupadas: 923
Distribuidora: Universal
Diretor: Chris Renaud e Pierre Coffin
País: EUA
Gênero: Infantil, comédia
Nota geral no filmow: 4 (de 5)
Nota geral no IMDB: 7.5 (de 10)
Sinopse: Agora que o sempre empreendedor Gru deixou para trás a vida de super crimes para cuidar de Margo, Edith e Agnes, ele, Dr. Nefario e os minions tem tempo livre de sobra nas mãos. Mas quando Gru começa a se ajustar ao seu papel de pai de uma família suburbana, uma organização super-secreta dedicada a combater o mal ao redor do mundo vem bater a sua porta. Agora cabe a Gru e sua nova parceira, Lucy Wilde, descobrir quem é o responsável por um inacreditável crime, afinal é necessário o maior vilão do mundo para pegar aquele que está tentando tomar o seu lugar.
Minha observação 2: Eu amo o primeiro filme. Comecei a assistir esse segundo no netflix esse ano e não consegui nem chegar à metade, de tão bobinho que era. Não tive paciência. 

3) Thor 2: O Mundo Sombrio
Público no Brasil: 4.835.078 Renda bruta: R$4.835.078
Salas ocupadas: 1.072
Distribuidora: Disney
Diretor:  Alan Taylor
 País: EUA
Gênero: Ação, aventura, fantasia
 Nota geral no filmow: 3.6 (de 5)
Nota geral no IMDB: 7.1 (de 10)

Sinopse: Mundos colidem quando um poderoso inimigo antigo ameaça mergulhar o cosmos na escuridão eterna. Agora, reunido com Jane Foster (Natalie Portman), e forçado a forjar uma aliança com seu traiçoeiro irmão Loki (Tom Hiddleston), Thor (Chris Hemsworth) embarca em uma perigosa jornada pessoal para salvar a Terra e Asgard da destruição.

Minha observação: Só vi o começo do primeiro filme. Não lembro porque parei, mas não fui em busca de terminar de assistir depois.

4) Minha mãe é uma peça
Público no Brasil: 4.600.145
Renda bruta: R$49.533.218,31
Salas ocupadas: 407
Distribuidora: Downtown/Paris
Diretor: André Pellenz
País: Brasil
Gênero: Comédia
Nota geral no filmow: 3.8 (de 5)
Nota geral no IMDB: 6.7 (de 10)
Sinopse: Adaptação da comédia que já levou quase um milhão de espectadores aos teatros pelo Brasil, “Minha Mãe é uma Peça – O Filme”, acompanha as hilárias peripécias de Dona Hermínia, uma mulher de meia idade, aposentada, que após ser trocada pelo marido por uma mulher mais nova e não ter mais que cuidar dos filhos já crescidos, tem como preocupação maior procurar o que fazer. Sem um trabalho ou um companheiro, a nada simpática Dona Hermínia passa seu tempo desabafando com a tia idosa, fugindo da vizinha fofoqueira, ou “enchendo o saco” dos filhos ao tentar continuar a “cuidar” da vida deles.
Minha observação: Um filme brasileiro no ranking dos 10 mais!
Minha observação 2: Assisti ao filme na tv e achei engraçadinho, bobinho, previsível, mas ok. 

5) Velozes e furiosos 6
Público no Brasil: 4.521.808  
Renda bruta: R$49.148.215,00
Salas ocupadas: 1.030
Distribuidora: Universal
Diretor:  Justin Li
 País: EUA
Gênero: Ação, policial, thriller
 Nota geral no filmow: 3.7 (de 5)
Nota geral no IMDB: 7.5 (de 10)
Sinopse: Quando um Comboio Militar Russo é derrotado em Moscou, o agente Hobbs (Dwayne Johnson) vai até o único homem capaz de ajudá-lo a atingir seu objetivo: Dominic Toretto (Vin Diesel). Toretto só aceita ajudar quando descobre que Letty (Michelle Rodriguez) está viva e trabalhando com o alvo nº 1 de Hobbs, Owen Shaw (Luke Evans), um mercenário de operações especiais comandando um grupo igualmente brilhante. A tropa de elite de Toretto, incluindo Brian O’Conner (Paul Walker) e toda a equipe original, persegue Shaw e seu bando através da Europa, em uma série de golpes de pular o coração, cada perseguição superando a outra em tamanho, escala e ação vibrante.
Minha observação: Acho que já disse que filmes assim me dão sono, né?
Minha observação 2:  Observem que "Minha mãe é uma peça" estava em menos da metade das salas de Velozes e Furiosos 6 e ainda conseguiu mais público.

6) Até que a Sorte nos Separe 2
Público no Brasil: 3.978.191
Renda bruta: R$45.274.441,66
Salas ocupadas: 778
Distribuidora: Downtown/Paris
Diretor: Roberto Santucci
País: Brasil
Gênero: Comédia
Nota geral no filmow: 2.7 (de 5)
Nota geral no IMDB: 4.9 (de 10)
Sinopse: Na sequência, o casal Tino (Leandro Hassum) e Jane (Camila Morgado) herdam uma fortuna de um tio distante, e voltam a ficar milionários. O enredo levará os protagonistas para Las Vegas.

Minha observação: O filme estreou no da 27 de dezembro, época em que o mercado está muito mais competitivo, e mesmo assim alcançou o sexto lugar no ranking!

7) Wolverine Imortal
Público no Brasil: 3.955.564 

Renda bruta: R$49.174.255,00
Salas ocupadas: 1.126
Distribuidora: FOX
Diretor:  James Mangold
 País: EUA
Gênero: Ação, aventura, fantasia
 Nota geral no filmow: 3.3 (de 5)
Nota geral no IMDB: 6.7 (de 10)

Sinopse: Wolverine tem de enfrentar um inimigo à sua altura nesta batalha de vida ou morte, repleta de ação, passada no Japão dos dias de hoje. Vulnerável pela primeira vez e desafiado até o limite, Logan (Jackman) enfrenta não só o letal samurai feito de aço, mas também uma batalha interna contra sua própria imortalidade numa luta épica que o mudará para sempre.

Minha observação: Em sétimo lugar de público, por ser 3D e portanto mais caro, consegue arrecadar mais dinheiro que os dois colocados acima.

8) João e Maria: Caçadores de Bruxas
Público no Brasil: 3.716.154
Renda bruta: R$48.663.644,00
Salas ocupadas: 509
Distribuidora: Paramount
Diretor: Tommy Wirkola
País: EUA/Alemanha
Gênero: Ação, fantasia, terror
Nota geral no filmow: 3.2 (de 5)
Nota geral no IMDB: 6.1 (de 10)

Sinopse: Os jovens João e Maria foram abandonados pelos pais na sombria floresta e acabam indo parar na casa de uma malvada bruxa. Mas o que parecia ser o fim acabou se tornando o começo de uma vida cheia de aventuras, uma vez que eles eliminaram a malvada e viraram verdadeiros exterminadores de criaturas do mal. Após o desaparecimento de várias crianças, os dois já adultos (Jeremy Renner e Gemma Arterton) são contratados pelas autoridades locais para desvendar o mistério. Só que eles não imaginavam que essa nova missão iria colocá-los diante da terrível Bruxa Negra (Famke Janssen), pronta para destruir não só a reputação de excelentes caçadores de bruxas, mas também as suas vidas.

Minha observação: Estou impressionada com a colocação desse filme. Lembro de quando assisti ao trailer e não tinha dado nada por ele.


9) Detona Ralph
Público no Brasil: 3.636.879 
Renda bruta: R$42.983.475,00
Salas ocupadas: 756
Distribuidora: Disney
Diretor:  Rich Moore
 País: EUA
Gênero: Comédia, aventura
 Nota geral no filmow: 3.9 (de 5)
Nota geral no IMDB: 7.8 (de 10)

Sinopse: Wreck-It Ralph quer muito ser tão adorado quanto seu adversário de jogo, o Mocinho perfeito, Fix-It Felix. O problema é que ninguém gosta de Bandidos. Mas todo mundo adora heróis… então quando surge um moderno jogo de tiro que mostra a perspectiva do protagonista, apresentando o personagem durão do Sargento Calhoun, Ralph encara o jogo como sua chance para o heroísmo e a felicidade. Ele invade o jogo com um plano simples ganhar uma medalha, mas não demora a arruinar tudo, libertando sem querer um inimigo mortal que põe em risco todos os jogos do fliperama. Qual a única esperança de Ralph? Vanellope von Schweetz, uma jovem e encrenqueira “pane” de um jogo de corrida de carros pode acabar sendo quem ensinará a Ralph o que significa ser um Mocinho. Mas será que ele vai perceber que é bom o bastante para se tornar um herói antes que seja “Fim de Jogo” para todo o fliperama?

10)  Jogos Vorazes: em Chamas
Público no Brasil: 3.552.774
Renda bruta: R$39.921.608,23
Salas ocupadas: 1.216
Distribuidora: Paris
Diretor: Francis Lawrence
País: EUA
Gênero: Ação, aventura, ficção científica
Nota geral no filmow: 4.1 (de 5)
Nota geral no IMDB: 7.7 (de 10)
Sinopse: A saga relata a aventura de Katniss (Jennifer Lawrence), jovem escolhida para participar aos "jogos vorazes", espécie de reality show em que um adolescente de cada distrito de Panem, considerado como "tributo", deve lutar com os demais até que apenas um saia vivo. Neste segundo episódio da série, após a afronta de Katniss à organização dos jogos, ela deverá enfrentar a forte represália do governo local, lutando não apenas por sua vida, mas por toda a população de Panem.
Minha observação: Minha história de amor e ódio já foi contada na postagem das Maiores Bilheterias de 2014.
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------
 Devido ao sucesso de dois filmes nacionais no ranking das 10 maiores bilheterias, eis:
Os Top 6 Brasileiros 
1) Minha mãe é uma peça
Colocação geral: 4
2) Até que a Sorte nos Separe 2
Colocação geral: 6  
3) Meu Passado me Condena
Colocação geral: 13 
Público no Brasil: 3.140.771
Renda bruta: R$34.826.391,63
Salas ocupadas: 421
Distribuidora: Downtown/Paris
Diretor: Julia Rezende
Gênero: Comédia
Nota geral no filmow: 3 (de 5)
Nota geral no IMDB: 5.9 (de 10) 
Sinopse: Quando Fábio (Fábio Porchat) e Miá (Miá Mello) se encontram, é amor à primeira vista. Eles se casam um mês depois de se conhecerem e decidem viajar à Europa em um cruzeiro em lua de mel. Só que, durante a viagem, eles encontram seus antigos amores, Beto (Alejandro Claveaux) e Laura (Juliana Didone), que hoje estão juntos e também passam sua lua de mel.
4) Vai que dá certo
Colocação geral: 18 
Público no Brasil: 2.729.340
Renda bruta: R$28.990.665,92
Salas ocupadas: 469
Distribuidora: Imagem
Diretor: Maurício Farias
Gênero: Comédia
Nota geral no filmow: 3 (de 5)
Nota geral no IMDB: 5.8 (de 10)
Sinopse: Cinco amigos de adolescência se reencontram e percebem que não alcançaram o sucesso planejado, então decidem assaltar uma transportadora de valores.
Minha observação: Juro que nunca tinha ouvido falar desse filme.
5) Crô - O Filme
Colocação geral: 24 
Público no Brasil: 1.716.774
Renda bruta: R$18.673.695,63
Salas ocupadas: 467
Distribuidora: Downtown/Paris
Diretor: Bruno Barreto
Gênero: Comédia
Nota geral no filmow: 2.1 (de 5)
Nota geral no IMDB: 2.6 (de 10)
Sinopse: A trama do longa começa com Crô tendo herdado "uma fortuna de sua ex-patroa falecida". Mas o personagem "está cansado de ser milionário e não fazer nada", prossegue a sinopse oficial: "Ele tenta ser cantor, estilista e cabeleireiro, mas fracassa em todas as aspirações". A partir daí, o protagonista enfrenta uma crise de depressão, tem pesadelos com a própria mãe e então conclui: "seu destino é servir, ser submisso", razão pela qual opta por regressa à antiga ocupação, mordomo.
Minha observação: Só de ler a sinopse, vê-se que este se esforçou para ser ruim (e odiado).
6) Somos tão jovens
Colocação geral: 25 
Público no Brasil: 1.715.763
Renda bruta: R$18.253.649,24
Salas ocupadas: 565
Distribuidora: Imagem/FOX
Diretor: Antônio Carlos Fontoura
Gênero:Biografia, musical, drama
Nota geral no filmow: 3.3 (de 5)
Nota geral no IMDB: 6.5 (de 10)
Sinopse: Na trama, o jovem Renato Russo não tem tempo a perder: sonha ser um astro do rock. Mas ainda é cedo. Ele precisa estudar, dar aulas de inglês, tranquilizar os pais, curtir a turma, curar dores de amor e, principalmente, arrumar quem toque na sua banda. Do Aborto Elétrico à Legião Urbana, “Somos Tão Jovens” apresenta os primeiros acordes do mito Renato Russo e da turma do Rock Brasília, criadores de sucessos como “Que País é Este”, “Geração Coca-Cola”, “Eduardo e Mônica” e muitas outras músicas que marcam e transformam fãs geração após geração.

segunda-feira, 7 de setembro de 2015

Os Mais Vendidos de 2013

 Os dados são retirados do Publishnews. As sinopses são do skoob.

1) Nada a Perder vol.2
 Exemplares vendidos no Brasil: 849.600
Autor: Edir Macedo
Editora: Planeta do Brasil
País: Brasil
Categoria: Biografia
Nota geral do skoob: 4.5

Sinopse: Nada a Perder (Vol. 2) - O segundo volume da trilogia que conquistou leitores em todo o mundo chega às livrarias com ainda mais surpresas e segredos. As memórias jamais contadas de Edir Macedo continuam com casos impressionantes, reflexões comoventes e episódios polêmicos. Descubra como tudo começou na trajetória de um dos principais líderes evangélicos do mundo. Como foi possível transformar uma pequena igreja, que funcionava numa funerária, em milhares de templos, com milhões de fiéis. A espinhosa travessia de altos e baixos na conquista do segundo maior grupo de comunicação do Brasil. Uma viagem ao subterrâneo da televisão. Um mergulho no jogo sujo do poder.

2) Kairós
Exemplares vendidos no Brasil: 410.447
Autor: Padre Marcelo Rossi
Editora: Principuim
País: Brasil
Categoria: Autoajuda
Nota geral do skoob: 4.5
Sinopse: Os leitores que se emocionaram ao conhecer o amor incondicional, o Amor Ágape, irão renovar a sua fé com Kairós, que conta com prefácio do padre Fábio de Melo. No livro, Padre Marcelo parte da palavra grega kairos, que significa “momento certo”, para falar sobre o tempo de Deus em oposição ao khronos, o tempo cronológico, o tempo dos homens.
O autor selecionou passagens da Bíblia com personagens como Abraão, Moisés, José do Egito, Isaías, Maria, Jó e Zaqueu, que passaram por situações de incompreensão, sofrimento e provação e, mesmo assim, souberam esperar pelo tempo de Deus, pelo seu kairos. Todos eles tiveram as suas vidas transformadas no momento que Deus julgou oportuno. Após cada trecho bíblico citado, reflexões e comentários do Padre Marcelo convidam o leitor a refletir sobre suas próprias angústias e a fortalecer a sua fé.
O livro também destaca a importância da oração e apresenta no final de cada capítulo uma prece especial para ajudar os leitores a permanecerem perseverantes na fé e confiantes no poder de Deus. Kairós traz ainda uma bênção do Padre Marcelo dedicada exclusivamente aos leitores.
Da mesma maneira autêntica e carismática que conversa com milhões de brasileiros em seus programas de rádio e televisão, Padre Marcelo se comunica com os fiéis em Kairós para levar a eles os ensinamentos religiosos e conforto espiritual. 

3) Inferno 
Exemplares vendidos no Brasil: 282.617
Autor: Dan Brown
Editora: Arqueiro
País: EUA
Categoria: Ficção
Nota geral do skoob: 4.3
Sinopse: No coração da Itália, Robert Langdon, o professor de Simbologia de Harvard, é arrastado para um mundo angustiante centrado numa das obras literárias mais duradouras e misteriosas da história: O Inferno, de Dante Alighieri.
Numa corrida contra o tempo, ele luta contra um adversário assustador e enfrenta um enigma engenhoso que o leva para uma clássica paisagem de arte, passagens secretas e ciência futurística. Tendo como pano de fundo poema de Dante, e mergulha numa caçada frenética para encontrar respostas e decidir em quem confiar, antes que o mundo que conhecemos seja destruído.

Minha observação: Dois livros de Deus, um livro do demônio. É a famosa guerra entre céu e inferno na livraria mais próxima de você!

4) A Culpa é das Estrelas
Exemplares vendidos no Brasil: 264.972
Autor: John Green
Editora: Intrínseca
País: EUA
Categoria: Ficção
Nota geral do skoob: 4.4
Sinopse: Hazel foi diagnosticada com câncer aos treze anos e agora, aos dezesseis, sobrevive graças a uma droga revolucionária que detém a metástase em seus pulmões. Ela sabe que sua doença é terminal e passa os dias vendo tevê e lendo Uma aflição imperial, livro cujo autor deixou muitas perguntas sem resposta. Essa era sua rotina até ela conhecer Augustus Waters, um jovem de dezessete anos que perdeu uma perna devido a um osteosarcoma, em um Grupo de Apoio a Crianças com Câncer. Como Hazel, Gus é inteligente, tem senso de humor e gosta de ironizar os clichês do mundo do câncer - a principal arma dos dois para enfrentar a doença que lentamente drena a vida das pessoas. Com a ajuda de uma instituição que se dedica a realizar o último desejo de crianças doentes, eles embarcam para Amsterdã para procurar Peter Van Houten, o autor de Uma aflição imperial, em busca das respostas que desejam.
Minha observação: A Culpa é das Estrelas se preparando para chegar ao segundo lugar em 2014.
5) Nada a Perder vol.1
Exemplares vendidos no Brasil: 196.566
Autor: Edir Macedo
Editora: Planeta do Brasil
País: Brasil
Categoria: Biografia
Nota geral do skoob: 4.2
Sinopse: Segredos guardados por décadas. Momentos de decisão e descobertas espirituais contadas, com riqueza de detalhes, pelas próprias palavras de um dos principais líderes evangélicos do mundo. No primeiro volume de sua trilogia de memórias, o bispo Edir Macedo nos surpreende com revelações profundas. Como um brasileiro comum decide pregar sua fé nas ruas e praças públicas e, 35 anos depois, lidera uma Igreja atuante em mais de 200 países com milhões de fiéis nos lugares mais remotos do planeta? Uma comovente volta ao passado com lições para o presente e o futuro. Experiências tocantes com aprendizados para a vida.
Minha observação: Com uma sinopse dessa, até eu compro o livro pra aprender a ficar rica!
6) Cinquenta tons de cinza 
Exemplares vendidos no Brasil: 264.972
Autor: E. L. James
Editora: Intrínseca
País: EUA
Categoria: Ficção
Nota geral do skoob: 3.6
Sinopse: Cinquenta Tons de Cinza - Quando Anastásia Steele entrevista o jovem empresário Christian Grey, descobre nele um homem atraente, brilhante e profundamente dominador. Ingênua e inocente, Ana se surpreende ao perceber que, a despeito da enigmática reserva de Grey, está desesperadamente atraída por ele. Incapaz de resistir à beleza discreta, à timidez e ao espírito independente de Ana, Grey admite que também a deseja - mas em seus próprios termos.
Chocada e ao mesmo tempo seduzida pelas estranhas preferências de Grey, Ana hesita. Por trás da fachada de sucesso - os negócios multinacionais, a vasta fortuna, a amada família -, Grey é um homem atormentado por demônios do passado e consumido pela necessidade de controle. Quando eles embarcam num apaixonado e sensual caso de amor, Ana não só descobre mais sobre seus próprios desejos, como também sobre os segredos obscuros que Grey tenta manter escondidos.
Minha observação: O sucesso dos livros pornôs... Ou mais conhecidos como romances eróticos para mamães. 

7) O Silêncio das Montanhas
Exemplares vendidos no Brasil: 134.473
Autor: Khaled Hosseini
Editora: Globo Livros
País: EUA/Afeganistão
Categoria: Ficção
Nota geral do skoob: 3.9

Sinopse: O Silêncio das Montanhas traz como protagonista os irmãos Pari e Abdullah, que moram em uma aldeia distante de Cabul, são órfãos de mãe e têm uma forte ligação desde pequenos. Assim como a fábula que abre o livro, as crianças são separadas, marcando o destino de vários personagens.
Paralelamente à trama principal, Hosseini narra a história de diversas pessoas que, de alguma forma, se relacionam com os irmãos e sua família, sobre como cuidam uns dos outros e a forma como as escolhas que fazem ressoam através de gerações. Assim como em O Caçador de Pipas, o autor explora as maneiras como os membros sacrificam-se uns pelos outros, e muitas vezes são surpreendidos pelas ações de pessoas próximas nos momentos mais importantes.

Minha observação: Confesso que nunca tinha ouvido falar desse livro. Pesquisando agora sobre ele, assisti a uma resenha feita pela Isa do canal LidoLendo (uma booktuber que eu gosto muito) e me interessei bastante. Entrou para a minha lista de livros desejados!
 Minha observação 2: Esse é o mesmo autor de "O Caçador de Pipas", livro que eu tenho, mas que ainda não li.  O livro é de 2003, portanto já está marcado: será lido e resenhado em julho do ano que vem!

8) Cinquenta tons de liberdade
Exemplares vendidos no Brasil: 128.313
Autor: E. L. James
Editora: Intrínseca
País: EUA
Categoria: Ficção
Nota geral do skoob: 4
Sinopse: Cinquenta Tons de Liberdade - Quando a ingênua Anastasia Steele conheceu o jovem empresário Christian Grey, teve início um sensual caso de amor que mudou a vida dos dois irrevogavelmente. Chocada, intrigada e, por fim, repelida pelas estranhas exigências sexuais de Christian, Ana exige um comprometimento mais profundo. Determinado a não perdê-la, ele concorda. Agora, Ana e Christian têm tudo: amor, paixão, intimidade, riqueza e um mundo de possibilidades a sua frente. Mas Ana sabe que o relacionamento não será fácil, e a vida a dois reserva desafios que nenhum deles seria capaz de imaginar. Ana precisa se ajustar ao mundo de opulência de Grey sem sacrificar sua identidade. E ele precisa aprender a dominar seu impulso controlador e se livrar do que o atormentava no passado. Quando parece que a força dessa união vai vencer qualquer obstáculo, a malícia, o infortúnio e o destino conspiram para transformar os piores medos de Ana em realidade,...
9) 1889
Exemplares vendidos no Brasil: 123.813
Autor: Laurentino Gomes
Editora: Globo Livros
País: Brasil
Categoria: História
Nota geral do skoob:4.3
Sinopse: 1889 - Nas últimas semanas de 1889, a tripulação de um navio de guerra brasileiro ancorado no porto de Colombo, capital de Ceilão (atual Siri Lanka), foi pega de surpresa pelas notícias alarmantes que chegavam do outro lado do mundo. O Brasil havia se tornado uma república. O império brasileiro, até então tido como a mais sólida, estável e duradoura experiência de governo na América Latina, com 67 anos de história, desabara na manhã de quinze de novembro. O austero e admirado imperador Pedro II, um dos homens mais cultos da época, que ocupara o trono por quase meio século, fora obrigado a sair do país junto com toda a família imperial. Vivia agora exilado na Europa, banido para sempre do solo em que nascera. Enquanto isso, os destinos do novo regime estavam nas mãos de um marechal já idoso e bastante doente, o alagoano Manoel Deodoro da Fonseca, considerado até então um monarquista convicto e amigo do imperador deposto.
Minha opinião ou falta dela: Não li o livro e nunca li nada sobre ele. Alguém leu? O que achou? O que leu a respeito? 

10) Cinquenta tons mais escuros
Exemplares vendidos no Brasil: 121.281
Autor: E. L. James
Editora: Intrínseca
País: EUA
Categoria: Ficção
Nota geral do skoob: 4
Sinopse: Assustada com os segredos obscuros do belo e atormentado Christian Grey, Ana Steele põe um ponto final em seu relacionamento com o jovem empresário e concentra-se em sua nova carreira, numa editora de livros. Mas o desejo por Grey domina cada pensamento de Ana e, quando ele propõe um novo acordo, ela não consegue resistir. Em pouco tempo, Ana descobre mais sobre o angustiante passado de seu amargurado e dominador parceiro do que jamais imaginou ser possível. Enquanto Christian tenta se livrar de seus demônios interiores, Ana se vê diante da decisão mais importante da sua vida.
Minha observação: Ta... As sinopses dos três livros são iguais! Quanta enrolação, quanta falta de criatividade dessa E. L. James!